Ter câncer não impede a gravidez de acontecer

Os casos de câncer vêm crescendo a cada ano. Com isso, muitos casais que pensavam em ter filhos naturais se veem diante de uma situação aparentemente insolúvel. Como pensar em ter filhos quando uma doença grave aparece?

Dependendo do caso, é possível que o homem tenha que retirar os testículos ou, se for mulher, os ovários. Sem esquecer os prejuízos com a quimioterapia ou radioterapia. A primeira pode provocar menopausa precoce, enquanto a segunda pode comprometer a fertilidade quando feita na região pélvica do homem ou mulher.

Mas apesar dos problemas que o tratamento contra o câncer pode trazer para a fertilidade, eles podem ser evitados. Graças a tecnologia do congelamento de óvulos ou esperma, a descoberta de um câncer não inviabiliza a gravidez futura.

Embora o impacto da notícia seja grande, não se deve deixar de pensar no futuro e planejar. E se o casal já tinha o desejo de ter um filho antes do surgimento do câncer, é preciso procurar um profissional para saber todos os passos que devem ser dados para que a gravidez possa acontecer sem prejuízos com o tratamento.

Informações de Contato

Endereço:
SHLS 716 - Cjto "L"
Centro Clínico Sul - Torre 1
Ala Leste - Salas "L" 328/331
Brasilia - DF

Email:
genesis@genesis.med.br

Telefax:
+55 (61) 3345-8030

A Clínica

CNPJ:
37137064/0001-49

Inscrita no CRM sob nº 2.1-DF 570-09

Responsável Técnico:
Drª. Hitomi Miura Nakagawa
CRM 4863 DF

Acompanhe nas redes sociais