25/03/2018

As doenças sexualmente transmissíveis (DSTs) representam cerca de 25% das causas de infertilidade, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS). Entre elas, as que mais podem prejudicar a fertilidade feminina são que provocam doença inflamatória pélvica, como a clamídia, por exemplo.

05 de março de 2018
Miomas uterinos são tumores benignos presentes no útero e acometem de 20% a 50% das mulheres. Acredita-se que o crescimento dos miomas é estimulado pelos hormônios estrogênio e progesterona, mas a gênese inicial ainda é desconhecida. “A maioria das pacientes não apresenta nenhum sintoma, entretanto 25% delas podem ter sangramento menstrual aumentado, dor pélvica, aumento do volume abdominal, dificuldade para engravidar, aborto e parto prematuro”, explica Natália Paes Barbosa, ginecologista da Genesis Brasília.

23 de fevereiro de 2018

Para alguns casais, engravidar é um desafio e as técnicas de reprodução assistida podem auxiliar a vencê-lo. A infertilidade é caracterizada após um ano de tentativas de gestar e pode ser classificada como primária, quando a paciente nunca engravidou, ou secundária, quando já houve gestação anterior.

Como a idade é um fator determinante nessa conquista, para pacientes do sexo feminino acima de 35 anos a investigação de possíveis fatores relacionados à infertilidade é realizada após seis meses de tentativas.

16 de fevereiro de 2018

Infertilidade é a capacidade de ter filhos devido à alterações nos sistemas reprodutores masculino ou feminino. Em se tratando das mulheres, muitas podem ser as causas da infertilidade, por isso, é importante frequentar o ginecologista desde a primeira menstruação para acompanhar e prevenir possíveis doenças.

02 de fevereiro de 2018

O Diagnóstico Genético Pré-Implantacional (DGPI) é uma técnica que está em constante evolução e possibilita diagnosticar alterações genéticas que podem acarretar em doenças ao bebê. A técnica é realizada no embrião e as alterações encontradas podem ser tanto nos genes como nos cromossomos.

Estas informações genéticas dos embriões permitem que tanto os especialistas como os pacientes tomem uma decisão assertiva sobre quais embriões têm mais chances de desenvolvimento e podem ter chances maiores de uma gravidez mais tranquila.

Informações de Contato

Endereço:
SHLS 716 - Cjto "L"
Centro Clínico Sul - Torre 1
Ala Leste - Salas "L" 328/331
Brasilia - DF

Email:
genesis@genesis.med.br

Telefax:
+55 (61) 3345-8030

A Clínica

CNPJ:
37137064/0001-49

Inscrita no CRM sob nº 2.1-DF 570-09

Responsável Técnico:
Drª. Hitomi Miura Nakagawa
CRM 4863 DF

Receba nossas novidades!

Acompanhe nas redes sociais